Justiça mantém condenação de Roberto Jefferson por ataques a Alexandre de Moraes

Por Informe News em 21/07/2021 às 16:44:40

Eduardo Matysiak/Futura Press/Estadão Conteúdo

A 2ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo negou recurso do ex-deputado Roberto Jefferson, e manteve a pena de pagamento de R$ 60 mil de indenização ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), e à esposa dele por danos morais.

Roberto Jefferson manteve a linha bolsonarista de ser um leão na frente de microfones e um gatinho no banco dos réus. Em entrevista à Rede TV, ele acusou o ministro de pertencer a uma facção criminosa.

Para a Justiça, foi mais cândido: disse que não tinha a intenção de ofender a honra de ninguém. Talvez, Roberto Jefferson, por seu passado, não ache ofensa pertencer à facção criminosa. Mas, como diz o presidente da CPI, Omar Aziz, chapéu de otário é marreta. A desculpa de Jefferson não colou e ele, mais uma vez, se marretou.

Fonte: G1

Comunicar erro
DENGUE - TOPO

Comentários