Proposta trata sobre a disponibilização de exemplares da Bíblia nas escolas de MS

Autor da proposta, deputado Antonio Vaz propõe que os exemplares da Bíblia sejam colocados à disposição de alunos, professores e demais - Foto: Wagner Guimarães

Autor da proposta, deputado Antonio Vaz propõe que os exemplares da Bíblia sejam colocados à disposição de alunos, professores e demais - Foto: Wagner Guimarães

Tramita na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) o Projeto de Lei 86/2022, que trata sobre a disponibilização de exemplares da Bíblia nas escolas do Estado. A proposta foi protocolada nesta sexta-feira (1º) pelo deputado Antonio Vaz (Republicanos).

De acordo com o projeto, o Poder Público Estadual fica "autorizado a manter exemplares da Bíblia Sagrada nas unidades escolares". Esses exemplares deverão ser colocados à disposição de alunos, professores e demais usuários, em local visível e de fácil acesso.

"O presente projeto encontra respaldo no fato que a Cultura Ocidental baseia-se na moral cristã, de origem milenar e seu instrumento religioso, a Bíblia Sagrada, constitui livro histórico da humanidade, servindo para estudos complementares sobre a época descrita", afirma o autor na justificativa da proposta.

O projeto deve ser apresentado na sessão plenária da próxima terça-feira (5) e depois seguirá para análise da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR). Caso seja considerado constitucional, será analisado e votado pelas comissões de mérito e em sessões ordinárias.