Anuncie Aqui - TOPO

Palmeiras recebe Colo-Colo mirando semi e findar tabu de 17 anos

Por Informe News em 03/10/2018 às 07:16:14

Palmeiras e Colo-Colo decidem um dos semifinalistas da Copa Libertadores nesta quarta-feira. Em duelo às 21h45 (de Brasília), no Allianz Parque, o Verdão entra em campo em vantagem e buscando quebrar um tabu que já dura 17 anos.

Diante do Colo-Colo, o Verdão entra em campo com a vantagem de ter vencido em Santiago por 2 a 0, resultado que lhe permite até perder por um gol de diferença para avançar à semifinal da Libertadores. Se conseguir o feito, será a primeira vez do Palestra nesta fase da competição desde 2001.

De lá para cá, o Verdão disputou o maior torneio das Américas em 2005, 2006, 2009, 2013, 2016 e 2017. A melhor campanha no período aconteceu em 2009, quando a equipe caiu nas quartas de final diante do Nacional-URU após empates por 0 a 0 no Uruguai e 1 a 1 no Palestra Itália.

"Sabemos que tivemos um grande resultado no Chile, mas o Colo-Colo é um time de experiência, com jogadores de qualidade. Temos de estar preparados para um grande jogo, sabendo valorizar a vantagem, mas em campo temos de nos impor e dar o máximo de dificuldade para o Colo-Colo", afirmou o atacante Willian.

Se do lado do Palmeiras existe a confiança pela classificação muito por conta do que o time vem apresentando dentro das quatro linhas e pela vantagem construída na partida do Chile, o Colo-Colo também segue acreditando na possibilidade de estar entre as quatro melhores equipes. Mas diferentemente do rival, os caciques apostam suas fichas na experiência do elenco, na qualidade de Valdívia e até mesmo no imponderável, já que dentro de campo a situação não anda nada boa.

A última vitória do Colo-Colo foi no dia 29 de agosto, data do triunfo sobre a rival Universidad de Chile. Desde então, o time comandado por Héctor Tapia entrou em campo cinco vezes e saiu dele derrotado em todas, sendo a mais recente delas no último domingo, diante da Catolica, que deixou os caciques ainda mais distante das primeiras posições da tabela.

E além de todo o ambiente conturbado, o treinador chileno terá de lidar com desfalques de peso. O primeiro deles é Damian Pérez, expulso na partida de ida no Chile. Além do ala, a principal referência do time, Esteban Paredes, sequer viajou para São Paulo por uma lesão na coxa. Por fim, Tapia pode se ver obrigado a mudar ainda mais o time por conta do desgaste de algumas peças.

Duas certezas na escalação do time chileno são justamente dois ex-palmeirenses: Lucas Barrios e Jorge Valdívia. A dupla, com a ausência de Paredes, se torna a principal referência do Colo-Colo, que reconhece a dificuldade para sair do Allianz Parque classificado, mas nem por isso deixa de alimentar esperanças.

"Sabemos que é complicado. O confronto está totalmente condicionado ao resultado que sofremos na nossa casa. Perdemos por 2 a 0 em uma partida que se desenhou de uma forma diferente do que esperávamos pela forma como o placar se deu, com um gol sofrido logo no início, muitos erros no último passe e um gol no fim. Agora estamos cientes de que será uma partida especial e nosso grupo sabe o que precisamos fazer para classificarmos", disse Héctor Tapia.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS X COLO-COLO

Data: 3 de outubro de 2018, quarta-feira
Local: Allianz Parque, em São Paulo-SP
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: German Delfino (ARG)
Assistentes: Hernan Maidana (ARG) e Gabriel Chade (ARG)

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Thiago Santos, Bruno Henrique e Moisés; Willian, Dudu e Borja
Técnico: Luiz Felipe Scolari

COLO-COLO: Orión; Zaldívia, Barroso e Insaulrrade; "pazo, Carmona, Baeza, Suazo, Valdívia; Barrios e Pavez
Técnico: Héctor Tapia

Fonte: Gazeta Esportiva

Anuncie Aqui (728x90) Acima de Policia