C.M - Simposio Setembro Amarelo - ok

Professor se suicida na praça central de Angélica e comove a cidade

Por Informe News em 02/08/2018 às 08:08:37

Um professor de 56 anos chocou a pequena cidade de Angélica, a 280 km de Campo Grande, ao se matar com um tiro na cabeça na praça central Messias Garcia Duarte. O caso aconteceu por volta das 13h40 desta quarta-feira, horário em que havia algumas pessoas no local.

Ainda não se sabem os motivos que levaram o professor João Damaceno Filho a tirar a própria vida.  Segundo informações do site Plantão Angélica, o professor foi até o meio da praça praça e deu um tiro na cabeça.

Segundo o site Jornal da Nova, João foi presidente do Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação de Angélica por cerca de 12 anos e sofria um quadro clínico de depressão.

A Polícia Civil e Militar isolaram o local e aguardam a equipe da perícia de Nova Andradina.

Depressão

A depressão é apontada como uma das principais causas de suicídio em todo o mundo, mas é uma doença que tem cura. É possível conseguir atendimento gratuito pelo SUS (Sistema Único de Saúde), basta procurar um CAPS (Centro de Atendimento Psicossocial) mais próximo.

O tratamento muda conforme o paciente, mas em geral envolve terapia com psicólogo e, em alguns casos, uso de medicamentos receitados por psiquiatras. O apoio de amigos e família também é considerado fundamental para que o paciente consiga superar a doença.

Além do acompanhamento médico, algumas mudanças no estilo de vida podem contribuir para que os sintomas da depressão deixem de interferir na rotina, entre eles praticar exercícios físicos, ter alimentação saudável, dormir bem, diminuir o consumo de álcool, controlar o estresse e estar perto da família.

Fonte: Midia Max

Anuncie Aqui (728x90) Acima de Policia